jun 4 2017

‘O dano que esse código tinha que fazer, já fez’


Deputado quando o Código Florestal foi aprovado, e cinco anos depois ministro do Meio Ambiente, Sarney Filho avalia a nova lei como um “retrocesso”, mas diz que é hora de seguir em frente

“Primeiro, a gente não queria que fosse aprovado; depois, a gente foi atrás de uma redução de danos” “Mais de 96% das propriedades já estão cadastradas. O CAR está completo, agora os estados têm que cuidar do Programa de Regularização Ambiental”

José Sarney Filho MARIANA ALVIM mariana.alvim@oglobo.com.br
SOCIEDADE


Deputado federal durante a tramitação no Congresso do novo Código Florestal, sancionado em 2012, o agora titular do Meio Ambiente Sarney Filho lembra daquele período como um tempo difícil. Do time dos ambientalistas, ele viu seu grupo em grande.