jan 14 2020

Exportações de carne começaram o ano em alta


Ainda que possam conter algum resto não contabilizado do ano anterior, os primeiros resultados da exportação de carnes de 2020 são estimulantes. Porque, por exemplo, apontam que a receita média do decêndio inicial do ano (2 a 10, sete dias úteis), da ordem de US$83,109 milhões, se encontra 82% acima da registrada no mesmo mês de 2019, também com 22 dias úteis.

Em outras palavras, ainda que no decorrer de janeiro venha a ocorrer alguma diluição dos valores atuais, os resultados do período devem ser bem melhores que os de um ano atrás, ocasião em que foram registrados os mais fracos resultados de 2019.

Por ora, o sinalizado é o seguinte:

- Carne suína: embarque de 73 mil/t, com incrementos de 11% e 75% sobre, respectivamente, o
mês anterior e o mesmo mês de 2019. O preço atual, da ordem de US$2.730/t, se encontra 36%
acima do alcançado um ano atrás;

- Carne bovina: perto de 175 mil/t, com incremento mensal e anual de, respectivamente, 17% e
70%. Preço médio de abertura do ano, de quase US$5.150/t, é 37% superior ao de janeiro de
2019;

- Carne de frango: pouco mais de 357 mil/t, aumento de 37% sobre janeiro de 2019, mas queda de
1% sobre dezembro passado. Evolução de preço continua sendo mais modesta que a das outras
duas carnes, pois os US$1.690/t ora registrados se encontram apenas 5% e 8% acima do que foi
obtido há um mês e há um ano. Com informações do Avisite.

Pecuaria.com.br