mai 27 2019

França quer proteção para carne e Amazônia em acordo com Mercosul


O governo francês voltou a manifestar nesta segunda-feira exigências sobre um acordo da União Europeia (UE) com o Mercosul, um dia depois da eleição europeia na qual o Partido Verde saiu como um dos principais vencedores e o presidente Emmanuel Macron derrotado pela extrema-direita.

O ministro de Comércio, Jean-Baptiste Lemoyne, declarou que a França quer um acordo da Europa com o Mercosul que inclua um mecanismo de proteção para os produtores de carne bovina do velho continente e garanta o combate ao desmatamento da Amazônia.

De acordo com declarações do ministro, um acordo entre os dois blocos seria mais importante que o entendimento entre a UE e o Japão, e isso significa que “numerosos setores, tanto industriais como agrícolas, vão ser impactados”.

“Naturalmente, sobre questões climáticas e ambientais, esperamos um forte engajamento dos dois lados”, acrescentou, segundo o site Político. “Sabemos que há desmatamento, e tudo isso não pode ser colocado de lado, é preciso colocar na mesa de negociações.”

Nesse cenário, o ministro francês diz que a França quer desenvolver “mecanismos de salvaguarda para assegurar a rastreabilidade dos produtos e a conformidade com regras sanitárias e ambientais”.

Valor Econômico