ago 29 2018

OIE reporta caso atípico de mal da vaca louca nos Estados Unidos


A Organização Internacional de Saúde Animal (OIE) reportou, nesta quarta-feira (29/8), um caso de encefalopatia espongiforme bovina, conhecida como "mal da maca louca", no Estado da Flórida, nos Estados Unidos. A ocorrência, confirmada no dia 26, é a primeira em pouco mais de um ano no país. O registro anterior da doença no território americano é de 19 de julho do ano passado, de acordo com o relatório divulgado pelo órgão internacional.

Segundo a OIE, trata-se de um caso atípico, tendo sido detectado em apenas um animal, uma vaca de corte de seis anos de idade, que já morreu. “O caso atípico foi classificado como tipo H. O animal identificado não foi destinado à cadeia de alimentação e em nenhum momento apresentou qualquer risco à saúde humana. O evento está resolvido”, diz o informe.

Ainda conforme a Organização Internacional de Saúde Animal, nos últimos vinte anos, foram detectados cinco casos de mal da vaca louca nos Estados Unidos. Todos foram classificados como atípicos, que ocorrem em menor proporção e de forma geral aparecem espontaneamente. Diferente dos casos considerados clássicos associados à alimentação dos animais.

Fonte: Globo Rural