fev 20 2018

OIE aceita declarar Brasil livre da aftosa com vacinação, diz Maggi


O ministro da Agricultura, Blairo Maggi, informou nesta terça-feira (20/2), que a Organização Mundial de Saúde Animal (OIE) aceitou a proposta do Brasil de se tornar um país livre de febre aftosa com vacinação.

Em um vídeo, publicado em sua conta no Twitter, Maggi disse que a declaração deve ser oficializada entre os dias 20 e 25 de maio, durante reunião da OIE, em sua sede em Paris, na França. "Isso é um pleito antigo, são mais de 60 anos de luta de vários governos e lideranças da pecuária nacional que trabalharam muito para chegar nisso", diz o ministro.

No vídeo, ele afirmou, ainda, que convidou o presidente Michel Temer para a reunião. "A partir daí vamos trabalhar para declarar o Brasil livre de febre aftosa sem vacinação, o que deverá ocorrer por 2022 ou 2023", acrescentou.

O Brasil já tem a maior parte do seu território declarado livre da doença com vacinação, porém, regiões do Amazonas, Amapá e Pará alcançaram esse status recentemente, o que possibilitaria a classificação nacional. A exceção é o Estado de Santa Catarina, que é considerado livre da doença sem vacinação.

Fonte: Globo Rural